EU TO FALANDO DE AMIZADE


Irmandade é questão de escolha
pra quem a gente oferece
uma espécie de medalha
que prova que família
não se restringe
à relação sanguínea

É a gente quem decide quem fica
no lugar mais alto do pódio
e aqui o único vício
é a suspeita do crime perfeito
que nos define
essa poesia de dizer com os olhos

E o entendimento mútuo
de cada detalhe
sem a necessidade
de proferir qualquer palavra

Combustível pra alcançar o impossível
Meu pronto socorro antes da sirene de qualquer alarde
A melhor viagem é a gente em turma falando merda
Te guardo no peito e conto nos dedos para além dos anelares

Nosso enlace advém da alma
e para além dos lares, creia
eu tô falando de amizade


Alan Salgueiro
Postar um comentário

Canção amiga

Eu preparo uma canção em que minha mãe se reconheça, todas as mães se reconheçam, e que fale como dois olhos...