Residência















A minha residência é onde moram
as coisas impossíveis
um grito atravessa o tempo
e pousa em minhas mãos


tiro as palavras
de um poço seco
as palavras como sinos
quando se puxa a corda
a água não existe.


Roseana Murray
Postar um comentário

Diz Mal do Amor que o Feriu Inesperadamente

Era o dia em que o sol escurecia Os raios por piedade ao seu Fator, Quando eu me vi submisso ao vivo ardor De teu...