Enquanto..
Em algum tempo, uns gritam
em algum lugar, outros tantos silenciam

poucos plantam flores
outros tantos atiram pedras

sonhos morrem empoeirados
realidades se dissipam

tudo isso acontece sem que eu consinta e pesa sobre minha pena

Eu sigo
colhendo ilusões
na sanha de mais humanidade.


Wanda Monteiro
Postar um comentário

Fábula de Arquiteto

A arquitetura como construir portas, de abrir; ou como construir o aberto; construir, não como ilhar e prender, nem ...