Cada pingo da chuva que cai


cada pingo da chuva que cai
é um grito de liberdade
da natureza a luzir entretantos
tantos mares em gotas caem do céu
que foi sol, foi nuvem, foi pássaro
e é e será ainda mais
infinitamente
(e quando a chuva cessa
cada pingo se torna mar na alma da gente)


Luiza Maciel Nogueira
Postar um comentário

Coqueiral

A saudade é um batimento que rebenta assim vinte e oito vezes desde meu ombro tatuado de desastre até à rosa pendur...