Do sangue dos seios da cabocla
nasceram os rios como crianças
correndo no vasto dorso do mundo

Crianças de verdes veias
veias que viraram veredas
na pele dos homens que aprenderam a liberdade

do canto colossal das águas


Carlos Orfeu

Postar um comentário

Canção amiga

Eu preparo uma canção em que minha mãe se reconheça, todas as mães se reconheçam, e que fale como dois olhos...