São Paulo





















São Paulo dos arranha-céus
Hoje paro pra te homenagear
Pela importância que mereces
E que o Brasil te dá


São Paulo da esperança e dos sonhos
Palco de acontecimentos relevantes
Cidade dos retirantes. Terra de migrantes
Do nordestino, do mineiro
Enfim, de todo o povo brasileiro.


Mesmo com tanta aglomeração
Ainda que haja agitação
Não perdes a beleza, nem a magia
Não tira o brilho, nem a alegria
De ser escolhida pra viver.


Cidade amada por tantos
Pelas maravilhas de seus encantos.
Se tens seus problemas
Não é de sua exclusividade
Há em toda cidades
Sejam grandes ou pequenas.


São Paulo das noites paulistana
Dos grandes clubes de futebol
Do parque do Ibirapuera
Inúmeras áreas de lazer
Para diversão e prazer.


Ataíde Lemos
Postar um comentário

Declaração de bens de família

Cadeiras e sofás, consolo e jarra, camas e bules, redes e bacias, a caixa de charão, o guard...