...quando a melancolia me assola
tudo me invade e vira nada
um nada
que de tão nada
expurgar-Me

fora de mim
feito terra desgarrada
viro ilha
ilha que de tão ilha
em vez de flutuar na água
flutua no ar
entre o abismo do céu
e o abismo de mim.


Wanda Monteiro
Postar um comentário

O Navio Negreiro

“’Stamos em pleno mar… Doudo no espaço Brinca o luar – dourada borboleta; E as vagas após ele correm… cansam Como...