Nosso mais profundo medo


















Nosso mais profundo medo
não é que sejamos inadequados.
Nosso mais profundo medo é que nós
sejamos poderosos além da conta.
É nossa luz, não nossa escuridão
que mais nos amedronta.
Nós perguntamos a nós mesmos,
quem eu sou para ser brilhante,
incrível, talentoso e fabuloso?
Realmente, quem você é para "não" ser?
Seu joguinho não serve para o mundo.
Não há iluminação em se esconder
para que as pessoas não se sintam
inseguras a sua volta.
Quando nós deixamos nossa luz brilhar
inconscientemente damos às outras pessoas
permissão para fazer o mesmo.
Quando estamos libertos dos nossos próprios medos
nossa presença automaticamente liberta os outros.


Nélson Mandela
Postar um comentário

Estão Todas as Verdades à Espera em Todas as Coisas

Estão todas as verdades à espera em todas as coisas: não apressam o próprio nascimento nem a el...