o sol: fruto que se come
com os dentes dos olhos

guardadas as sementes
seculares

o sol amadurece
o escuro


Carlos Orfeu

Postar um comentário

Apelo

Porque não vens agora, que te quero E adias esta urgência? Prometes-me o futuro e eu desespero O futuro é o d...