Sobre o Mar...















O meu olhar vagabundo,
sobre este profundo mar,
fez-se eterno navegar
neste largo e longo mundo
em constante maravilhar,
descobrir e sonhar
adormecer embalado pelo luar
e acordar encantado por viver,
entre peixes e sereias,
marés-vivas e luas-cheias,
golfinhos e caravelas,
alforrecas e baleias…

E, nesta bela tela,
o meu olhar itinerante
fez-se também parte dela,
sob um Sol ardente e brilhante,
sob uma Lua clara e errante,
feliz e viajante,
fez-se amado e fez-se amante…

O meu olhar marinheiro
repousou no alto-mar….
e, viajando num veleiro,
deixou minha alma a viajar…


Vitor. C
Postar um comentário

O impossível carinho

Escuta, eu não quero contar-te o meu desejo Quero apenas contar-te a minha ternura Ah se em troca de tanta felicidade que me ...