Lar





















versos incrustados na pele
sussurros adiados na espera
o corpo revestido de alma
onde o lar do paraíso vibra
nos desejos da pele despida
essência, lume e som


(o silêncio ora em nós)


Luiza Maciel Nogueira
Postar um comentário

A instabilidade das cousas do mundo

Nasce o sol e não dura mais que um dia. Depois da luz, se segue a noite escura, Em tristes somb...