Cais

















Turva água a tua
Que de teus olhos
Escorre nua


Molha o muro da face tua


Abre-lhe fenda
Funda
Escura


Fina janela para teu subterrâneo Cais


Abismo de teus Ais.


Wanda Monteiro
Postar um comentário

Canção amiga

Eu preparo uma canção em que minha mãe se reconheça, todas as mães se reconheçam, e que fale como dois olhos...