Anoitecer



















Amiúdam-se as partidas...
Também morremos um pouco
No amargor das despedidas.


Cais deserto, anoitecemos
Enluarados de ausência.


Helena Kolody
Postar um comentário

Coqueiral

A saudade é um batimento que rebenta assim vinte e oito vezes desde meu ombro tatuado de desastre até à rosa pendur...