A Poesia - 8 Anos do blog Nossa Poesia de Cada Dia






















Difícil, estreita passagem,
força quente perscrutada,
corpo de névoa, de imagem,
com sulcos de tatuagem,
voz absoluta escutada...

Destino de aranha, tece
com fios vários da vida
alegria se amanhece
ou chora se a luz fenece
pela noite perseguida.

Intimidade exterior,
pureza de impuras formas,
conhecimento e amor,
água límpida, estertor,
sem regras feita de normas.




António Salvado, in "Difícil Passagem"



Agradecimentos:

Ao meu Deus pela persistência e viver este espaço. A minha família a paciência pelo tempo cedido. A grupo blogger pela o acesso deste canal. Aos amigos que seguem no facebook, no google+, e outros tipos de caminhos.

Aos Poetas que nos deixaram estes versos... Aos amigos Poetas e amigos que conheci através deste espaço. Meu Muito Obrigado!


Com esta postagem chegamos ao número de 2176 publicações, com 86 seguidores, e 49 seguidores google+, foram 166.118 visualizações. Continuem nos acompanhando.


Obrigado também pelo carinho com meus próprios versos!


Obrigado por tudo e à todos!



Henrique Rodrigues Soares
Postar um comentário

Diz Mal do Amor que o Feriu Inesperadamente

Era o dia em que o sol escurecia Os raios por piedade ao seu Fator, Quando eu me vi submisso ao vivo ardor De teu...